MagocomSábado, 22 de Novembro de 2014 Assine o BNLCadastre-se
Blog do editor











Busca

Blog do editor < Voltar

Blog do editor

Magnho José

 

Processo dos Lotéricos encontra-se com status de ‘encerrado’ no site do TCU 20/11/2014 21:28:58

O Processo: 017.293/2011-1 sobre as 6.310 lotéricas, que tiveram a legitimidade de suas permissões questionadas pelo Tribunal de Contas da União – TCU, consta com histórico de tramitação: ‘Processo Encerrado’. A informação foi postada nesta terça-feira (18) no site do TCU.
Entenda o caso
No dia 17 de abril de 2013, foi publicado o Acórdão Nº 925/2013 do Tribunal de Contas da União no Processo nº 017.293/2011-1, contra a prorrogação de contratos de permissão de 6.310 lotéricas da Caixa Econômica Federal.
No dia 30 de outubro de 2013, foi apreciado na Sessão Ordinária do Plenário o recurso RL-0043-42/13-JM (Relação Legado) apresentado por dezenas de lotéricas. O relatório do Ministro José Múcio Monteiro, que optou por “não conhecer dos pedidos de reexame”.

[0] Comentários

Processo dos Lotéricos encontra-se com status de ‘encerrado’ no site do TCU 20/11/2014 21:28:50

O Processo: 017.293/2011-1 sobre as 6.310 lotéricas, que tiveram a legitimidade de suas permissões questionadas pelo Tribunal de Contas da União – TCU, consta com histórico de tramitação: ‘Processo Encerrado’. A informação foi postada nesta terça-feira (18) no site do TCU.
Entenda o caso
No dia 17 de abril de 2013, foi publicado o Acórdão Nº 925/2013 do Tribunal de Contas da União no Processo nº 017.293/2011-1, contra a prorrogação de contratos de permissão de 6.310 lotéricas da Caixa Econômica Federal.
No dia 30 de outubro de 2013, foi apreciado na Sessão Ordinária do Plenário o recurso RL-0043-42/13-JM (Relação Legado) apresentado por dezenas de lotéricas. O relatório do Ministro José Múcio Monteiro, que optou por “não conhecer dos pedidos de reexame”.

[0] Comentários

SINCOERGS informa sobre andamento da ação contra a CEF 20/11/2014 21:25:36

Sob o título ‘Boas notícias’ o presidente do Sincoergs, Marco Antônio Kalikowski veicula editorial no informativo do sindicato, onde compartilha várias informações, inclusive sobre a tramitação da ação que os sindicatos dos lotéricos do Rio Grande do Sul, Paraná em Santa Catarina. Segundo o dirigente esta semana eles receberam o pedido da peritagem e “possivelmente num prazo bem curto, já tenhamos o resultado deste perito e tenhamos nossos pleitos atendidos”. Confira a íntegra do texto:
“É com grande satisfação que informo os andamentos do processo que nosso sindicato juntamente com o de Santa Catarina e do Paraná move contra a CEF com vistas a recuperar o valor de nossas tarifas e consequentemente pleitear as perdas passadas trazendo de volta nosso equilíbrio econômico financeiro.
Nosso processo iniciou durante o mês de agosto e inicialmente após análise inicial do juizado e as defesa apresentadas pela CEF foi solicitado um parecer do Ministério Público Federal.
Este parecer MPF já divulgado em outras edições de nosso informativo foi muito favorável a nossa ação onde praticamente todas as contestações feitas pela CAIXA foram descaracterizadas e ao mesmo tempo sugeria ao magistrado que nossos números apresentados no processo fossem comprovados através de uma peritagem.
Esta semana recebemos o pedido da peritagem e possivelmente num prazo bem curto já tenhamos o resultado deste perito e tenhamos nossos pleitos atendidos.
Também estamos acompanhando as ações desenvolvidas pela FEBRALOT tentando reverter as decisões do TCU com relação ao fim de nossos contratos.
Como podem ver estamos atentos e preocupados com a situação crítica que passam os empresários lotéricos e mais do que nunca precisamos do apoio e a participação de todos os empresários lotéricos do estado.
Estamos em negociação do dissidio da categoria de nossos empregados e a luta é terrível.
Um forte abraço a todos e que nos próximos dias já tenhamos outras boas notícias para repassar a todos vocês. Marco Antônio Kalikowski é Presidente do Sincoergs e sócio proprietário da Kaver Loterias”.

[0] Comentários

SELAE lança filmes da Lotería de Navidad em grande evento 18/11/2014 14:12:10

A presidente da SELAE, Inmaculada García Martínez apresentou o conceito da campanha da Loteria de Natal e os oito filmes publicitários

Na última segunda-feira (10), com o início das apostas na Mega da Virada, o BNL comentou que o marketing da Caixa perdeu uma excelente oportunidade de promover a data com um grande evento, pois trata-se do maior prêmio de loteria pago na América Latina. E perdeu mesmo!

Na última quarta-feira (12) a Sociedad Estatal de Loterías y Apuestas del Estado – SELAE, operadora da Lotería de Navidad (Loteria de Natal ou El Gordo), promoveu um grande evento para o lançamento do slogan ‘El mayor premio es compatirlo’ ou ‘O maior prêmio é compartilhar’ (em tradução livre) e os filmes publicitários da campanha da loteria espanhola que tem como prêmio principal o ‘El Gordo’. O evento foi realizado na Casa de América de Madri e foi apresentado pela presidente da SELAE, Inmaculada García Martínez.

Clique aqui e confira a reportagem completa em Destaque e os oito filmes publicitários da campanha da Loteria de Natal da Espanha.

[0] Comentários

'Império': Após mais um golpe, Magnólia e Severo viram novos-ricos 18/11/2014 14:10:03

Os trambiqueiros Magnólia e Severo arrancam uma boa grana do Comendador apostam em um azarão nas corridas de cavalo e ficam ricos

A vida de Magnólia (Zezé Polessa) e Severo (Tato Gabus Mendes) passará por uma grande virada. Em breve, na novela ‘Império’, os sanguessugas conseguirão arrancar uma boa grana do Comendador José Alfredo (Alexandre Nero), com a condição de que voltem para São Fidélis, município do Rio de Janeiro, no Norte Fluminense, e deixem Maria Ísis (Marina Ruy Barbosa) em paz para sempre.

“Só que Severo é viciado em corrida de cavalos e, quando está indo ao banco depositar o dinheiro, resolve fazer uma aposta no jogo e escolhe o maior azarão do páreo. Magnólia descobre que o marido foi ao jóquei, vai atrás dele e dá uma surra no velho. A corrida começa e, quando a mulher diz que o cavalo está em último lugar, Severo cai duro. Quando ele acorda, fica feliz da vida, porque o bicho, que nunca ganhou um páreo, foi o campeão”, revelou Aguinaldo Silva à coluna em primeiríssima mão.
Os novos-ricos vibram com a fortuna que conquistaram e começam a curtir a vida. “Magnólia vai colocar ar-condicionado no apartamento todo para poder usar casaco de pele e fazer de conta que está em Bariloche. E vai até esnobar a filha , Maria Ísis, que trabalha no restaurante Vicente como door woman, dizendo para ela: “Agora você não passa de uma assalariada...”, acrescentou o novelista. (O Dia - Coluna Regina Rito)

[0] Comentários

Relator dá parecer favorável e apresenta substitutivo ao projeto que garante 5% do prêmio aos lotéricos na CFT 17/11/2014 15:24:00

O deputado Mário Feitoza apresentou parecer favorável e texto substitutivo na CFT da Câmara dos Deputados

O deputado Mário Feitoza (PMDB-CE) apresentou na última quinta-feira (6) parecer favorável e texto substitutivo na Comissão de Finanças e Tributação (CFT) ao PL 7119/14 de autoria do deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR), que garante 5% do prêmio ao lotérico.

‘Parecer do relator, Dep. Mário Feitoza, pela não implicação da matéria com aumento ou diminuição da receita ou da despesa públicas, não cabendo pronunciamento quanto à adequação financeira e orçamentária e, no mérito, pela aprovação, com Substitutivo’, informa a site da Câmara dos Deputados.

Pelo texto original apresentado pelo deputado Luiz Carlos Hauly a redação era a seguinte: 

“Art. 1º Fica a Caixa Econômica Federal autorizada a destinar 5% (cinco por cento) da arrecadação total de todas as loterias por ela administradas para o permissionário lotérico que tiver aposta premiada em seu estabelecimento comercial.

Parágrafo único. O valor destinado ao permissionário lotérico será calculado no percentual fixado no caput do presente artigo sobre o valor do prêmio pago pelo estabelecimento onde foi efetuada a aposta lotérica.

Art. 2º Os recursos de que trata o art. 1º serão disponibilizados ao permissionário lotérico até o dia cinco do mês subsequente ao da realização dos sorteios.”


O texto substitutivo apresentado pelo relator na CFT deputado Mário Feitoza a redação passa a ser a seguinte:


“Art. 1º Fica a Caixa Econômica Federal autorizada a destinar para o permissionário lotérico que vendeu aposta premiada em seu estabelecimento comercial 5% (cinco por cento) do valor do respectivo prêmio.

Parágrafo único. Os recursos de que trata o caput serão deduzidos do montante destinado aos prêmios e disponibilizados ao permissionário lotérico até o dia cinco do mês subsequente ao da realização dos sorteios”.


Na verdade, o relator apenas definiu com mais precisão que o percentual de 5% a ser pago a lotérica onde foi realizada a aposta vencedora será retirado do prêmio da modalidade apostada.

Como houve mudança no texto da proposta, desde a sexta-feira (7) foi aberto prazo para Emendas ao Substitutivo de cinco sessões ordinárias a contar desde a última segunda-feira (10).

[1] Comentários

Google Play hospeda apps falsos da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil 17/11/2014 15:22:42

App falso do Banco do Brasil: tentativa de golpe no Android

Criminosos digitais estão fazendo uso de aplicativos falsos de bancos para tentarem roubar informações de usuários de dispositivos Android.

A tentativa de golpe foi percebida pela companhia de cibersegurança Kaspersky Lab, que notou a presença de apps falsos do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal na Google Play, a loja digital do Google. (O Globo Online) 

[0] Comentários

SAGSE 2014 foi um reflexo da crise Argentina 17/11/2014 15:21:57

Giorgio Gennari Litta de Monografie e Néstor Cotignola (Lotería de la Provincia de Buenos Aires) durante a abertura da SAGSE (Foto: Yogonet.com)

Terminou na última quinta-feira (13) a 22ª edição da SAGSE América Latina. Além da feira deste ano ter ocupado um espaço menor no Centro de Exposições Costa Salguero, a principal exposição da região também recebeu menos expositores e um público reduzido se comparado aos anos anteriores. Segundo os sites especializados do setor, a SAGSE deste ano foi um espelho da crise que atravessa a Argentina. Reportagem do portal El Diário del Juego chegou a classificar a feira como ‘Uma exposição em versão mini’. 

Os organizadores defenderam que apesar dos problemas que o país atravessa, a exposição tem sua importância por ser uma feira regional. O portal Yogonet.com informou na reportagem ‘SAGSE Buenos Aires, cenário da crise que atravessa o setor do jogo na Argentina’, que a exposição contou com grande apoio dos operadores, mas foi menor do que no ano passado.

“Como é sabido, este é um ano atípico, onde as empresas mais ágeis vão assumir a liderança. Crise representa oportunidade e muitas empresas têm entendido que é um momento de grande oportunidade. Não se esqueça de que a SAGSE é América Latina e não é apenas um país”, disse Alan Burak, gerente de Negócios da SAGSE América Latina em entrevista ao site Yogonet.com.

[0] Comentários

Argentina conhece “Zitro Revolution” 17/11/2014 15:21:09

Laura Moledo e equipe no estande da Zitro na Sagse Buenos Aires

A Zitro apresentou na Argentina durante a SAGSE Buenos Aires a maior novidade de sua história e que está revolucionando o mercado mundial de videobingo: a “Zitro Revolution” com todos os seus novos recursos e benefícios que deixaram os visitantes surpresos.

“Zitro Revolution será sem dúvida um grande choque no mercado onde em breve começará a instalar novos jogos, recursos e mais prêmios comunitários, que irão encantar os jogadores”, comentou Laura Moledo, Country Manager da Zitro na Argentina.

Entre as novidades apresentadas na Argentina se destaca o novo Air Cash com quatro prêmios de diferentes quantias, aumentando as chances do apostador ganhar. O novo Air Cash também incorpora uma inovadora apresentação na tela, que resulta muito mais ágil, mais dinâmica e mais interativa, para fornecer ao jogador e sala maior emoção e entretenimento.

El Botín é o novo jogo comunitário da Zitro ambientado sobre a temática pirata. Quando se ativa o El Botín, automaticamente os rodilhos aparecem na tela e começa a girar para oferecer uma das três possibilidades de combinações ganhadoras.

Todas estas novidades são resultado do constante esforço da empresa em I+D para que seus produtos resultem nos mais divertidos, dinâmicos, emocionantes e rentáveis, proporcionando ao jogador uma experiência de jogo única e inesquecível.

[0] Comentários

Zitro paga importante acumulado na Argentina 17/11/2014 15:20:39

Máquina Bingo Dream pagou um acumulado de U$S 37.136 no Casino Iguazú

Um novo acumulado de 315 mil pesos (U$S 37.136), foi entregue recentemente por uma máquina da Zitro na Argentina. O prêmio foi pago para um cliente sortudo do Casino Iguazú enquanto jogava na máquina Bingo Dream.

O cassino, que conta com as famosas Blackwaves da Zitro, está comemorando seus 20 anos de atividade e sempre se posicionou como um dos mais importantes da América Latina, localizado em um dos mais renomados hotéis da Argentina, nas famosas cataratas Iguazu.

Este novo prêmio é mais uma prova do sucesso do videobingo da Zitro no mercado argentino, onde a empresa é líder graças ao interesse dos jogadores por suas máquinas e jogos.

[0] Comentários

Caixa informa sobre a validade dos volantes para a Mega da Virada 17/11/2014 15:20:05

A Caixa informou que os volantes distribuídos nos concursos anteriores da modalidade continuam valendo

Começaram na segunda-feira (10) as apostas para o Concurso Especial Temático Mega da Virada, com um super prêmio, estimado inicialmente em R$ 240 milhões para o acerto das seis dezenas no prêmio principal.

A Caixa informou que os volantes distribuídos nos concursos anteriores da modalidade continuam valendo, mesmo que assinalem os preços anteriores à atualização ocorrida no dia 11 de maio deste ano (aposta mínima com 06 números: R$ 2,50).

O sorteio do concurso especial nº 1.665 será realizado a partir das 20h, da quarta-feira, dia 31 de dezembro. As apostas com volante específico terão o mesmo custo das apostas regulares. A partir do dia 25 de dezembro terá início a captação exclusiva, de forma que todas as apostas captadas até às 14h do dia 31 de dezembro concorrerão para a Mega da Virada. Nesse período poderão ser utilizados inclusive os volantes regulares da Mega-Sena.

[0] Comentários

Danos à imagem das loterias estaduais 14/11/2014 18:40:51

Veja como os equívocos da Polícia Federal podem comprometer a credibilidade e lançar suspeitas em quem não tem nada a ver com o problema divulgado pela instituição durante a Operação Trevo, realizada na última quarta-feira (12).

Como a PF incluiu equivocadamente as loterias como parte das denúncias juntamente com jogo do bicho, caça-níqueis e títulos de capitalização, as reações e questionamentos já começaram a ganhar destaque na mídia. As duas notas abaixo, uma do MidiaNews e outra do Diário de Cuiabá, questionam a reativação da Loteria do Estado do Mato Grosso – LEMAT e acusam as loterias estaduais de atrair problemas como lavagem de dinheiro.  

O setor de loterias terá que esclarecer este equívoco para ficar bem claro que é a SUSEP quem autoriza a emissão de títulos de capitalização.

E por falar em Operação Trevo...

Esta Coluna conversou nesta quinta-feira (13) longamente com um especialista em operações de títulos de capitalização. Segundo ele, é difícil que haja irregularidades na comercialização desta modalidade, pois a SUSEP exerce um controle severo através de auditorias e controla os planos de premiação e suas respectivas comprovações. Voltaremos ao assunto.

***

Mesmo sem operar, Lemat recebe verbas 

Mesmo sem funcionar - e nem há previsão para sair do papel -, a Loteria do Estado de Mato Grosso (Lemat) continua recebendo repasses do Governo do Estado. Conforme o Diário Oficial, o governador Silval Barbosa (PMDB) autorizou, nesta semana, a abertura de crédito suplementar no montante de R$ 25 mil para a empresa, comanda por Manoel Antônio Garcia Palma, o "Toco Palma". O repasse, conforme decreto orçamentário, se dá por excesso de arrecadação.

A propósito, na edição desta quinta-feira (13), o Diário de Cuiabá observa que uma operação desencadeada na quarta-feira (12) pela PF, em 13 estados, mostra o quanto às loterias estaduais - como a Lemat - podem atrair problemas para um Estado, como a lavagem de dinheiro. Com efeito, a operação investigou fraudes de uma organização criminosa que operava por meio de loterias estaduais, cujos valores arrecadados eram repassados a entidades filantrópicas de fachada. O funcionamento da Lemat, na verdade, vai depender do futuro governador Pedro Taques (PDT). (Fogo Amigo – MidiaNews – MT)

***

Lavagem

Uma operação desencadeada ontem pela Polícia Federal em 13 estados mostra o quanto as loterias estaduais, como a Lemat, podem atrair problemas para um Estado, como a lavagem de dinheiro.

Lavagem 2

A Operação investigou fraudes de uma organização criminosa que operava por meio de loterias estaduais, cujos valores arrecadados eram repassados a entidades filantrópicas de fachada.

Lavagem 3

Como se sabe, Mato Grosso está querendo licitar a Lemat. Mas pelo andar da carruagem, esta será uma decisão a ser tomada pelo próximo governador Pedro Taques. Ele sempre foi contra o jogo e notícias como essa só reforçarão suas convicções. (Cuiabá Urgente – Diário de Cuiabá)

[0] Comentários

Procon encontra lotéricas irregulares na Bahia 14/11/2014 18:40:08

Das 31 casas lotéricas fiscalizadas pelo Procon em Feira de Santana, foram encontradas irregularidades em mais de 90% delas. Dentre os problemas mais comuns estão: falta de rampas de acesso para cadeirantes, fila exclusiva para idosos, portadores de necessidades especiais e gestantes, como também ausência de sistema de monitoramento por câmeras. O órgão determinou um prazo médio de 20 dias para que os proprietários das casas lotéricas se adequem a legislação vigente sob pena de serem autuados. A fiscalização continuará ser intensa e visam o cumprimento da legislação. (Coluna do Antônio Laranjeira - Tribuna da Bahia)

[0] Comentários

Caixa vai migrar sistemas bancários de São Paulo para o datacenter de Brasília 14/11/2014 18:39:28

Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal compartilham o datacenter, que construíram em conjunto. O prédio fica instalado no Parque Tecnológico Capital Digital, em Brasília, e foi erguido para acompanhar as necessidades tecnológicas dos dois bancos, que apresentaram crescimento nos últimos anos

Em comunicado distribuído a rede lotérica, a Caixa Econômica Federal informa que está planejada para o próximo domingo (16) a migração dos sistemas bancários processados no Centro Tecnológico de São Paulo/SP, para o ambiente de alta disponibilidade do DATACENTER, em Brasília. No documento a Caixa oriente os lotéricos sobre os procedimentos a serem adotados pelos empresários.

“Toda a atividade de migração está prevista para ser executada em uma janela máxima de 6 horas, compreendida entre 00:01 e 07:00 horas de domingo, horário de menor movimento para os canais de atendimento da CAIXA.

Devido à situação mencionada deverá ocorrer a antecipação do fechamento da Unidade Lotérica, haja vista a necessidade de processar todas as transações (jogos e não jogos) capturadas no sábado, feriado do dia 15/11, antes da efetiva migração dos sistemas.

Para que a migração seja realizada dentro da janela programada (00:01 a 07:00 horas) é imprescindível que o encerramento da captação das transações (jogos e não jogos) ocorra até às 19:00h do dia 15/11 (horário de Brasília).

O sistema ficará disponível até as 19:30 horas, para possibilitar que emissão de relatórios e fechamento do movimento do dia.

Para conhecimento dos clientes e usuários, deverá ser afixado Cartaz CAIXA Informa-Loterias, em anexo, nas Unidades Lotéricas, com antecedência mínima de 48 horas, com a informação de que o atendimento ao público será até as 19 horas no dia 15/11/2014.”

[0] Comentários

Caixa teve lucro de R$ 1,9 bilhão no trimestre e R$ 5,3 bilhões de janeiro a setembro 14/11/2014 18:38:46

A Caixa Econômica Federal divulgou nesta quinta-feira (13), que de janeiro a setembro de 2014, o lucro do banco foi de R$ 5,3 bilhões, alta de 5,6% em relação aos nove primeiros meses do ano passado. No terceiro trimestre, o lucro líquido alcançou R$ 1,9 bilhão, crescimento de 1,0% em relação ao trimestre anterior e de 1,7% sobre o mesmo trimestre de 2013. O retorno sobre o patrimônio líquido médio nos últimos doze meses foi de 17,8%.

Sobre as loterias a Caixa informa que em nove meses foram injetados R$ 501,1 bilhões na economia brasileira por meio de contratações de crédito, pagamento de benefícios sociais, investimentos em infraestrutura própria, remuneração de pessoal, e destinação social das loterias, dentre outros.

Rede de Atendimento

A Caixa também informou que possui uma rede com 68,3 mil pontos de atendimento, nos quais foram realizadas cerca de 5,4 bilhões de transações bancárias até setembro. São 4,1 mil agências e postos de atendimento; 32,5 mil correspondentes CAIXA Aqui e lotéricos; 31,7 mil máquinas distribuídas nos postos e salas de autoatendimento; dois agências-barco e 18 caminhões-agência. A CAIXA também disponibiliza aos seus clientes 15,7 mil terminais de autoatendimento compartilhados - Banco24Horas. Clique aqui e veja a íntegra do texto na Agência Caixa de Notícias.

[0] Comentários

‘Quem é você no jogo do bicho, meu bem!’ 14/11/2014 18:38:03

Aílton Graça vive Xana Summer e Viviane Araújo Naná em Império. A frase do momento faz alusão ao Jogo do Bicho

O ator Ailton Graça mostrou que não está para brincadeira quando encarna Xana Summer, em Império. O ator arrasou em uma performance de stiletto, dança feita com sapato alto, no palco do Esquenta! (veja aqui), mas na hora de sambar, acabou quebrando o salto. Graça também revelou que, por causa dos ensaios, às vezes acaba falando e gesticulando como a drag sucesso de Império, construída pelo ator com ajuda de amigos que acabam inspirando a divertida Xana.

“Eu tenho bastante amigos gays e eu fico provocando eles, aí você vai pegando esse tipo de coisa. Aprendi recentemente com uma menina que está trabalhando aqui também, uma maquiadora, que ela diz assim: ‘quem é você no jogo do bicho, meu bem!’ Esse eu falei: ‘Tem que colocar na novela!’”, disse.
Em tempo
O BNL já comentou várias vezes, mas não custa lembrar: jogo de azar dá Ibope!

[1] Comentários

Tributação do jogo seria uma solução para o caixa do governo 13/11/2014 15:42:40

Programas sociais do governo poderiam ser patrocinados pelos tributos arrecadados com a regulamentção do jogo no Brasil

Os principais jornais deste final de semana como O Globo e o Correio Braziliense veicularam reportagens sobre os cortes de despesas em estudo pelo governo para equilibrar as contas públicas.

A reportagem “Necessidade de cortes e economia frágil atrasarão compromissos de campanha” do Correio Braziliense deste domingo (09) revela que “ao longo da campanha e durante os debates na televisão, Dilma Rousseff assegurou a ampliação do Minha Casa, Minha Vida, do Programa Ciência sem Fronteiras e do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), além da conclusão de várias obras de infraestrutura. Mas na última sexta-feira (07), o ministro da Fazenda, Guido Mantega, já anunciou redução do fôlego do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A tesourada poderá atingir outros bancos públicos, como a Caixa Econômica Federal, responsável justamente pelos contratos do Minha Casa, Minha Vida”.

Pelas contas do jornal, o Pronatec tem um orçamento previsto de R$ 14 bilhões para 2014. Já o Programa Ciência sem Fronteiras custa R$ 3,2 bilhões. O Minha Casa, Minha Vida necessitou este ano de R$ 15,77 bilhões.

Jogo pode render R$ 15 bilhões em tributos

O estudo “O Brasil e o jogo ilegal” do BNL/IJL, que já foi apresentado e debatido no ‘II Seminário Internacional de Loterias – Desafiando o Contexto’, realizado em Mar del Plata em março de 2014, na Argentina e no Congresso Brasileiro do Jogo - BgC, realizado em novembro de 2013 passado no Rio de Janeiro, indica que o mercado de jogos do Brasil, com a legalização de todas as modalidades: cassinos, jogo do bicho, bingos, videobingos, videoloteria, apostas esportivas e i-Gaming tem potencial de arrecadar R$ 45 bilhões ou cerca de R$ 15 bilhões por ano em tributos para os cofres do governo.

Comento
Os recursos do jogo também poderiam servir para cobrir o deficit de R$ 15,7 bilhões do governo federal deste ano, sem a necessidade de alterar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) a toque de caixa.

[18] Comentários

Marisa lança nova campanha 13/11/2014 15:41:38

No filme publicitário uma moça chega à lotérica com um bilhete e, ao descobrir que foi premiada, começa a se imaginar em uma Loja Marisa gastando o que ganhou
A Marisa, rede varejista de moda, está com uma nova campanha que destaca que, com muito ou pouco dinheiro, as mulheres podem contar com a loja para ficarem lindas. Criada pela agência AlmapBBDO, a comunicação é composta por três filmes. Todos eles mostram situações em que algo positivo parece que vai acontecer na vida de uma mulher, mas que, no final, acaba não sendo tão bom. O primeiro filme, ‘Loteria’, estreou na quinta-feira (06) na TV.

Nele, uma moça chega à lotérica com um bilhete e, ao descobrir que ele foi premiado, começa a se imaginar em uma Marisa gastando o que ganhou. Mesmo depois de saber que não foi a única contemplada, percebe que o valor será bem gasto na loja da mesma forma. Os três filmes da campanha têm como trilha sonora a canção ‘Pretty Woman’, do filme ‘Uma Linda Mulher’. Assista ao filme publicitário da campanha no Youtube. (Inteligemcia)

[0] Comentários

Saiba como apostar na modalidade Vencedor no Jockey Rio 13/11/2014 15:40:33

Apostar no Vencedor é a modalidade de aposta preferida dos turfistas e, também, a mais simples. O apostador escolhe um cavalo e só ganha se ele chegar em primeiro lugar. O valor a ser apostado é escolhido pelo turfista, a partir de R$ 2,00. Só neste ano, a modalidade já premiou mais de 130 mil bilhetes.

No novo site de apostas Jockey Rio, apostar na modalidade Vencedor ficou ainda mais fácil e rápido. O apostador escolhe o cavalo e faz a aposta em poucos cliques. Veja abaixo o vídeo tutorial que o Jockey Rio preparou para que o apostador aprenda passo-a-passo como é fácil apostar no site.

Dica Jockey Rio

Uma dica para começar a escolher o cavalo que irá apostar, é usar a funcionalidade de “Comparar Cavalos” disponível na tela de apostas do Jockey Rio, onde se obtém informações sobre a performance do animal nas três últimas corridas. Além do “Comparar Cavalos”, fique atento ao site www.jcb.com.br – que semanalmente veicula reportagens com indicações feitas por especialistas.

Agora que você aprendeu a apostar na modalidade Vencedor, teste seus conhecimentos apostando online! Quem sabe a sorte não está com você?

Clique aqui para apostar e boa sorte!

[0] Comentários

Capitalização: considerações sobre a Operação Trevo 12/11/2014 15:45:37

A Operação Trevo da Polícia Federal deflagrada na manhã desta quarta-feira (12), contra os operadores de títulos de capitalização causou surpresa aos executivos do mercado e ao signatário desta. Além da PF, também participam Receita Federal, Superintendência de Seguros Privados - SUSEP e outros órgãos a nível federal e estadual.

Neste momento ainda desconhecemos as empresas e os executivos que foram atingidos pela investigação, mas sabemos que é bem abrangente e envolve 13 estados e vários mandatos de prisão temporária e preventiva, busca e apreensão, sequestro de valores, bens imóveis e veículos.

A nota distribuída pela Polícia Federal é confusa, pois informa que os suspeitos “operavam através de loterias estaduais”, o que é um equívoco, já que as autorizações, controle e fiscalização destas operações são de responsabilidade da SUSEP. Além disso, mistura jogo do bicho e caça-níqueis com títulos de capitalização. 

A ausência de uma legislação adequada para as loterias estaduais, acabou potencializando as operações dos títulos de capitalização e/ou seguros premiados no país, que passaram a ser uma alternativa ao vácuo criado neste segmento através da SUSEP.

Mesmo desconhecendo o conteúdo dos inquéritos, as provas e os desdobramentos, entendemos que boa parte destas operações desencadeadas pelos órgãos coatores poderiam ser evitadas se o país tivesse uma legislação moderna para o setor de jogos e loterias. Claro que não estamos isentando de responsabilidades os possíveis delitos cometidos pelos acusados após as devidas comprovações e depois de amplo direito de defesa.

Enquanto isto, dirigentes e executivos da Secretaria de Acompanhamento Econômico (SEAE), órgão do Ministério da Fazenda responsável pelos jogos e loterias da União e a Caixa Econômica Federal (operadora destas loterias), estão confortavelmente ancorados em uma legislação atrasada e antiquada sem nenhuma iniciativa para modificação deste status quo.

O binômio omissão e demanda, leva os operadores a buscarem alternativas na legislação vigente, como os sorteios dos títulos de capitalização, para dar a sociedade o que ela deseja.

[1] Comentários

Próxima >>